Daily Calendar

sábado, 8 de outubro de 2011

OXIGENOTERAPIA

Que é oxigenoterapia?
É a aplicação do oxigênio, que é um gás indispensável a vida, e está presente no ar.
Quando respiramos o ar entra em nossos pulmões e quando expiramos é a troca do oxigênio pelo gás carbônico, ou seja o organismo aproveita o oxigênio que é transportado através do sangue.
Quando isto não acontece normalmente, é porque existe problemas nos pulmões, como: falta de oxigenação ou a não oxigenação adequada. Isto pode causar problemas aos rins, ao coração e ao celebro. Com o uso da oxigenoterapia, há a possibilidade de corrigir o nível de oxigênio e a prevenção de problemas nestes órgãos citados.

Como é possível aplicar a oxigenoterapia?

Por meio de cilindros e tubos que levam o ar da vida a seus pulmões.

1. Dos gases medicinais
No Brasil, os gases medicinais são produzidos, armazenados e distribuídos, segundo as normas da Farmacopéia Européia.
Devido a sua pureza e numerosas propriedades são largamente utilizados na medicina moderna.
É gás altamente oxidante, incolor, inodoro e insípido, constituído um elemento vital para a vida aeróbica.
Assim é especialmente utilizado em oxigenoterapia nos doentes do foco respiratório, com o objetivo de manter os níveis de oxigenação adequados para evitar a hipoxemia (baixa concentração de oxigênio no sangue). É usada em oxigenoterapia de longa duração (OLD).

2. Das formas de distribuição
Geralmente, no Brasil são distribuídas em cilindros de aço (tubo sem costura), cor verde. Nos cilindros importados usam os de alumínio e também em cilindros de aço carbono (são mais leve do que os de alumínio).

3. Dos cilindros de aço
São vários fabricantes, e são vendidos vazios. Não podem ser vendido cheios, e o seu transporte não pode ser por transportadora, sedex, etc., e sim em veículos especiais e o seu carregamento tem que obedecer toda uma legislação rígida e apropriada caso a caso.
4. Dos cilindros e sua capacidade










São os seguintes dados pela maioria dos fabricantes:
Capacidade
Peso
Quantidade em m3
Altura
03 litros
05 kg
0.45 m3
0.40 cm
05 litros
07 kg
0.75 m3
0.40 cm
07 litros
10 kg
1.00 m3
0.45 cm
15 litros
17 kg
2.40 m3
0.88 cm
20 litros
30 kg
4.00 m3
0.72 cm (mais largo)
40 litros
48 kg
8.00m3
1.32 cm
50 litros
58 kg
10.00m3
1.42 cm

5. Uma pergunta muito solicitada, é: Quanto tempo dura cada cilindro de oxigênio medicinal?

A resposta não é fácil de responder. A duração depende da quantidade aplicada no paciente, da regulagem da válvula e da continuidade da aplicação.
Só para ilustrar, se pegarmos um exemplo do cilindro de 03 litros, aplicar a vazão de 5.2 litros por minuto, o tubo dará somente para quatros horas de duração.
6. Dos cilindros de alumínio

Por serem importados, cores e tamanhos variam de país para país. São bem mais caros do que os de aço. São leves e sua capacidade é de 44 a 22 pés cúbicos. Mais resistente a pressão, não corrosivos, ideal para gases mais úmidos, e bom para temperatura baixa. Sua superfície externa, são escovadas e não magnética. Ideal para usar perto de equipamentos magnéticos e sensíveis. Geralmente usa-se uma liga equilibrada de alumínio-magnésio-silicone.
Cilindros Medicinais II.


7. Dos cilindros de fibra de carbono
Também importados. São mais leves, mas as sua características e preços, ainda estão longe das condições financeiras do Brasil. Poucas pessoas poderiam adquirir tal cilindro. Seu preço chega à mais de R$ 5.000,00 (cinco mil reais) cada.


8. Da sua aplicação em vítimas
Para administrar o chamado gás da vida, só pessoas treinadas em cursos de socorros avançados, orientados por médicos, e que poderão administrar sem prejudicar os pacientes. A vazão e importante e tem variação de adulto, criança e recém nascido.


9. Dos Kits de oxigênio




Todo profissional médico, socorrista, empresas, dentista, fisioterapeutas, clubes esportivos, condomínios, campos esportivos e de ginástica, teatros, cinemas, academias, bancos, escolas, enfim locais públicos e de atendimento ao publico e bem como outras atividades, deveriam ter em locais apropriados e perto do publico, um kit de oxigenação, com cânulas, colares cervicais, talas e outros de primeiros socorros.

10. Dos cursos e treinamentos de resgate

CURSO FORMAÇÃO E ORIENTAÇÃO DE CAPACITADORES DE ADULTOS "APH"
CÓD
MATÉRIA / TEMA
01
Sinais Vitais e RCP
02
Básico de Brigada de Resgate
03
Fraturas / Imobilizações / Politraumatismo / Remoção
04
Básico de Primeiros Socorros para Leigos - Projeto Piloto
05
Emergência com Animais Peçonhentos e Zoonoses
06
Curativos em Primeiros Socorros
07
Kits de Emergência - Modo de Usar
08
Tratamento de Ferimentos e Queimaduras em Primeiros Socorros
09
Partos de Emergência - Como Proceder
10
Emergências Neurológicas
11
Emergências Psiquiátricas
12
Anatomia e Fisiologia Básica para Socorrista
13
Procedimentos em Emergência para Socorrista
14
Básico de Patologia Clínica para Socorrista
15
Controle de Hemorragias e Choque em Primeiros Socorros
16
Básico de Defesa Civil
17
Básico e Avançado para Local de Difícil Acesso e Espaço Confinado
18
Básico para Salvamento por Helicópteros e Aviões
19
Básico para Pré-hospitalar em Lanchas, Navios e Rebocadores
20
Básico em RCP e Ventilação Pulmonar
21
Primeiros Socorros em Clubes, Indústrias, Shoppings, Igrejas, Comércio e Condomínios
22
Resgate em Águas Rasas e Profundas - Rios, Mares e Piscinas
23
Emergências para Dentistas e Auxiliares
24
Emergências para Juízes, Bandeirinhas, Massagistas, Jogadores, Técnicos e Médicos em Medicina Esportiva
25
A Enfermeira, Auxiliar de Enfermagem e Instrumentadora em Frente ao Trauma
26
A Fisioterapeuta e Terapeuta Ocupacional em Frente ao Trauma
27
Telemedicina e Qualidade de Vida em Plataforma Petrolíferas
28
Capacitação em Atendimento Pré-hospitalar para Dentistas
29
Formação e Orientação de Capacitadores de Adultos APH

Geralmente quem fabrica ministra cursos do uso e treinamento, principalmente na recuperação Cardio pulmonar (RCP). Manter os sinais de vida pela oxigenoterapia é um dever, sem falar naquela em que o médico prescreve, principalmente em home care.
11. Quem mais deverá usar a oxigenoterapia (domiciliar/prolongada)
De forma geral, além dos casos já citados, os pacientes com doenças obstrutiva crônica ou outra doença que limitam o fluxo aéreo ou hipertensão pulmonar primaria ou secundária, obedecem o seguinte:
Pa02 - inferior ou igual 55 mmHg, respirando em ar ambiente.
Pa02 - entre 55/60 mmHg, com poliglobula, cor pulmonante ou hipertensão pulmonar primaria ou secundária.
O oxigênio, pode ser administrado a todas as faixas de idade, principalmente na criança que trará vários benefícios de problemas sofridos, tais como: displasia bronco pulmonar, fibrose cística, seqüelas pós - infecciosas e pós - síndromes da angustia respiratória infantil. A dose a aplicar, é o médico que irá prescrever, bem como o tempo de 08 horas ou mais de 15 horas por dia.


12. Lidar com o cilindro é perigoso
Sim, mais há regras para tudo. Deve-se evitar de fumar ou usar óleos diversos, inclusive nas mãos, quando for aplicar o oxigênio. As válvulas devem ser mantidos limpas, secas e obedecer o que o fabricante determina em seus manuais.

Lembre-se que o oxigênio e caro e as pessoas com mais de 65 anos, com doenças graves e as crianças são os que mais necessita.
Fonte: resgate marimar

Nenhum comentário:

Postar um comentário